MÁQUINAS DE EMBALAGEM: REDUZA OS ACIDENTES NO ARMAZÉM

4  minutos de leitura20 janeiro 2022

Acima de tudo, as máquinas de embalagem contribuem bastante para ajudar a diminuir os acidentes dentro do armazém. Por ano, ocorrem em grande número os acidentes de trabalho, obrigando a que os operadores se afastem das suas funções, devido às baixas médicas. Destacamos, assim, que muitos desses acidentes são causados ​​pelo esforço físico excessivo, do sistema musculoesquelético, enquanto outros são causados ​​devido ao transporte e ao armazenamento dos produtos.

Sobretudo, hoje queremos mostrar como os sistemas de embalagem, além de ajudarem a melhorar a segurança da sua empresa, podem contribuir para reduzir os acidentes de trabalho e evitar as temidas lesões, que afetam principalmente as costas, pescoço, ombros e os membros superiores.

Custos para as empresas da falta de segurança

O impacto económico dos acidentes, doenças e das baixas médicas são um aspeto importante a serem considerados pelas empresas. Assim, entende-se, que os custos com os acidentes de trabalho são numerosos:

  • Custos salariais: o que o empregador paga;
  • Custos de contratação de trabalhadores temporários ou substitutos;
  • Custos por perda ou danos dos materiais;
  • Perda de vendas ou clientes;
  • Complementos por invalidez temporária;
  • Sanções administrativas;
  • Custos com ações de responsabilidade civil;
  • Custos por responsabilidade criminal.

Como prevenir os custos dos acidentes?

As causas dos acidentes estão, eventualmente, relacionadas com o uso de equipamentos ou instalações inadequadas. Nesse sentido, é necessário um investimento em inovação, que embora possa parecer caro, a longo prazo melhorará os resultados económicos da sua empresa, pois haverá menos vítimas por acidentes ou doenças.

Como é que as máquinas de embalagem ajudam a reduzir as lesões musculoesqueléticas?

As lesões musculoesqueléticas afetam milhões de trabalhadores, em toda a Europa, e são uma das doenças profissionais mais comuns. Normalmente afetam as costas, pescoço, ombros e membros superiores (às vezes também os inferiores) e produzem desde pequenos desconfortos a condições médicas mais graves que obrigam a solicitar uma licença médica.

As dores nas costas são um sintoma das lesões musculoesqueléticas

As causas devem-se às deslocações das cargas, movimentos repetitivos ou posturas estranhas, entre outros. Por isso, é necessária uma boa gestão das empresas em Segurança e Saúde no trabalho, o que irá melhorar a produtividade da sua empresa, já que haverá menos licenças médicas, reduzindo os custos com a saúde e também promovendo mais métodos e tecnologias de trabalho.

Em França, é oferecido um apoio financeiro, de forma a combater as lesões musculoesqueléticas no sector da logística e de armazém. Desta forma, as empresas com menos de 50 trabalhadores podem obter apoio financeiro para a compra de máquinas de cintar.

A filmagem de paletes é reconhecida como uma das primeiras razões das lesões musculoesqueléticas nos processos de preparação das encomendas e em outras tarefas de manutenção do armazém.

Infelizmente, estas ajudas ainda não chegaram a Portugal, mas a mecanização de determinados processos em armazém, aliada à sensibilidade e à formação das boas práticas, traz vantagens do ponto de vista da produtividade e da segurança da sua empresa:

Em suma, para ajudá-lo/a a escolher o sistema de embalagem mais adequado à sua empresa, pode contactar a nossa equipa de especialistas através do 707 788 008 ou por e-mail: contacto@rajapack.pt

    Os melhores temas