COMO ESCOLHER A MELHOR MÁQUINA DE CINTAR

5  minutos de leitura24 maio 2023

Antes de tudo, a máquina de cintar é uma máquina que serve para assegurar o fecho de uma embalagem ou compactar um conjunto de produtos, entre si ou distribuídas por paletes, por adição da cinta. É, portanto, um elemento essencial em qualquer armazém. Desse modo, até num pequeno e-commerce é uma mais-valia uma vez que melhora a preparação das encomendas, principalmente quando há picos sazonais de envios. Por exemplo, durante a Black Friday ou no Natal.

Como resultado, está a pensar em adquirir uma máquina de cintar ou renovar as que já possui? Na RAJA queremos ajudá-lo/a a escolher a máquina ideal para que se adapte a 100% às necessidades do seu negócio. Assim, que aspetos deve de ter em consideração ao fazer a sua compra? Continue a ler e irá descobrir!

Vantagens de usar uma máquina de cintar nos seus processos de embalagem e paletização

Usar uma máquina de cintar nos seus processos de embalagem oferece as seguintes vantagens:

  • Reforça o fecho das caixas, evitando que se abram devido a movimentos bruscos durante o transporte;
  • Consolida as embalagens para os envios, facilitando o seu manuseamento no ponto de vista logístico;
  • Proporciona estabilidade, associando os artigos aos paletes e contribuindo para uma correta amarração das cargas para o seu transporte;
  • Aumenta a produtividade, pois permite cintar com uma maior velocidade;
  • Reduz o esforço necessário para a realização da tarefa, o que resulta na prevenção das lesões musculoesqueléticas.

Tipos de máquinas de cintar

De acordo com as máquinas de cintar, podemos distinguir entre as manuais e as elétricas:

  • As máquinas de cintar fixas são geralmente apresentadas em formato de mesa. Portanto, é necessário deslocar os produtos até o local onde estão localizadas. Por outro lado também mover a própria máquina (que geralmente tem rodas) para a zona desejada;
  • As máquinas de cintar portáteis são leves, pois o seu tamanho adapta-se ao tamanho da mão. Desta forma, os operadores podem mover-se pelo armazém, fazendo a cintagem em diferentes espaços.

Além dessa subdivisão, existe outra escala de classificação para as máquinas de cintar, conforme se precisam, ou não, de eletricidade para funcionar: manuais, semiautomáticas e automáticas.

Máquinas de cintar manuais

Sobretudo, as máquinas de cintar manuais são a ferramenta ideal para as tarefas de cintagem ocasionais ou apenas para algumas embalagens por dia. Portátil, simples de usar e de tamanho pequeno. A tecnologia de alta tensão permite uma selagem programável para cintar em série. Dispõe de um modo suave para a fita de cintar em polipropileno ou para os produtos frágeis.

Assim, se procura uma solução económica e leve, deve de apostar numa máquina de cintar manual. No entanto, lembre-se de que, se o fluxo de encomendas crescer, na sua empresa, e começar a ultrapassar algumas dezenas de encomendas por dia, a máquina de cintar manual não será a mais indicada.

Máquinas de cintar automáticas

 

Decerto que as máquinas de cintagem automáticas oferecem uma tecnologia de tensão, selamento e o corte da finta sem esforço com o premir de apenas um botão. Este tipo de máquinas funcionam com eletricidade e, no caso de máquinas de cintar automáticas portáteis, com uma bateria de carregamento rápido.

São, portanto, ideais quando o tempo é curto. A máquina de cintagem manual, que você pode comprar online no nosso website, possibilita 400 cintagens por carregamento.

 

Máquinas de cintar semiautomáticas

 

Inegavelmente, as máquinas de cintar semiautomáticas combinam a tecnologia de tensão manual com a selagem e o corte automático das fitas. Desse modo, é um sistema muito utilizado para a separação das encomendas ao manusear embalagens de volumes variáveis. No entanto, também existem máquinas de cintar semiautomáticas portáteis que chegam a atingir taxas de 70 e até 120 cintagens por hora.

As máquinas de cintar de mesa destacam-se pela sua ergonomia e são projetadas para cintar entre 50 e 100 cintagens por hora.

Que fatores deve de ter em consideração ao escolher uma máquina de cintar?

Agora é a hora de tomar a decisão. Qual a máquina de cintar que deve de escolher? Responder a estas perguntas irá ajudá-lo/a a encontrar a melhor opção:

Tal como seleciona cuidadosamente a sua máquina de cintar, não se esqueça também da fita para a fazer funcionar!

Em suma:

Incorporar uma máquina de cintar é mais um passo no caminho para automatizar os seus processos no armazém e referentes à embalagem. Na RAJA temos uma ampla gama de soluções de máquinas e sistemas de embalagem que vão facilitar a sua vida. Economize tempo, dinheiro e ganhe eficiência connosco!

    Os melhores temas